Além de mim

060718-Além de mim

Atravessei desertos, esperei aviões pousarem, te dei de comer e me perfumei esperando você voltar. Aceitei todos os dias de loucura e de apatia, me embrenhei no seu mundo e fiz companhia pros seus medos enquanto você não podia estar. Enfrentei noites na estrada para raiar nos seus braços, que eu sabia que sempre estariam lá.

Amei cada um dos seus defeitos e briguei contra aqueles com os quais podia lidar. Deixei que saciasse sua fome, sua sede, mesmo sem me saciar. Fui sua fantasia durante muitos carnavais. Na dor, te ofereci meu ombro, meu colo e busquei te consolar. Vivi o seu luto e esperei o sol voltar. Fui o melhor que podia ser, para ser o suficiente pra você.

A cada vacilo, me encontrei no seu olhar. Busquei reciprocidade. Tentei entender cada uma das suas formas de amar. Te dei minha coragem, meus sonhos, minhas melhores risadas. Apertei sua mão quando eu tive medo, te dei o controle da televisão e da minha vida. Deixei que você escolhesse o lado da cama, contanto que fosse ao lado meu.

Fui constante, mesmo nas minhas inconstâncias. Fui verdadeira, em cada uma das palavras que te disse e até no meu silêncio. Assumi culpas que não eram só minhas. Fui inteira em todas as minhas metades. Fui além de mim para amar você. E se soubesse o que sei agora, eu teria te amado exatamente igual.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s