Enamore-se. Pela vida, pelas possibilidades, pelas pequenas felicidades. Pelo reflexo no espelho e no reflexo dos olhos. Enamore-se sem desculpas, medos ou simulações. Enamore-se de forma essencial e imprescindível, irremediavelmente. Enamore-se forma estúpida e encantadora, sem disfarce, camuflagem ou piedade. Enamore-se.

Enamore-se. Pelos momentos mais raros do tempo e a todo momento, de muito perto, todos os dias e faça fazer sentido. Enamore-se em qualquer lugar, em todos os passos, mesmo com os pés calejados do andar incessante do mundo. Enamore-se pela solidão, pela sua companhia, pelo outro, pela fusão, pelo vir a ser e pelo o que já é.

Enamore-se. Pelo sorriso de ontem, pelo gemido de prazer, pelo sol sobre o mar e o vento em maresia, numa tarde de férias. Enamore-se, caçoando de todas as obviedades, sendo piegas e clichê. Enamore-se de forma violenta brutal, do jeito mais sensível e humano que possa imaginar.

Enamore-se. Por si mesmo, pelo outro, pela capacidade de amar. Enamore-se pelo o que te encanta, pelo o que te excita, pelo o que te faz acreditar. Enamore-se, apesar de, a despeito de, mesmo que, ainda que. Enamore-se exatamente porque, principalmente porque o milagre da vida está em fazer o coração pulsar.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s