Preciso. De mais, mais de você. Dos seus olhos pra me afogar, dos seus passos para me guiar. De você entre minhas pernas, dentro da minha boca, encostado a minha pele, sussurrando em meus ouvidos.

Preciso. De mais, mais de você. Da sua alma pra morar, do seu sonho pra realizar. De você entre meus dias e noites, nas minhas frases inventadas, nos gritos e gemidos, no ar da madrugada.

Preciso. De mais, mais de você. Dos seus braços pra segurar meu mundo, do seu peito pra me servir de escudo. De você entre meus dedos, enredado aos meus cabelos, em volta da minha cintura, nas entranhas do meu ser.

Preciso. De mais, mais de você. Do seu beijo pra me deixar muda, das suas mãos pra me perder, suas tramas pra me envolver. De você entre meus segredos, pelas frestas e dobras, nos labirintos infinitos de mim.

Preciso. De mais, mais de você. Do seu corpo pra me aquecer, da sua língua pra me provar, da sua mentira pra brincar. De você entre meus dentes, mastigando meu juízo, dentro dos meus sentidos, ocupando todos os espaços.

Preciso. De mais, mais de você.  Das suas doses de coragem pra mudar meus rumos, das suas tristezas pra curar e dos seus sorrisos pra me lambuzar. De você nos meus sonhos e na minha cama, entrando em minha vida e deixando-se ficar.

Preciso. De mais, mais de você em mim.

Um comentário sobre “Abstinência

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s